7 razões fundamentais para a existência do Vale do Silício

Você provavelmente já se deparou com o nome Vale do Silício muitas vezes, mas você sabe como foi que a região mais inovadora do mundo nasceu?

Entenda as 7 principais razões do Vale do Silício existir

1. Stanford University

Quando o casal Leland e Jane Stanford resolveram criar Stanford, primeiramente eles visitaram as melhores universidades dos Estados Unidos. Nas visitas, o casal observou que os alunos não tinham uma educação apropriada para o mundo, então um dos principais objetivos desta instituição era oferecer aos futuros alunos: Personal success and direct usefulness in life, ou seja, poder praticar tudo que você aprende em sala de aula para obter sucesso pessoal. Para isto, o aprendizado iria abranger além das lições na sala de aula, experimentos em laboratórios, estudo teórico em livros,  uma intensiva atuação na sua área de estudo, integrando o aprendizado com a indústria. Os professores eram constantemente incentivados a se relacionar e fazer parcerias com líderes das empresas e com o governo para que os estudantes tivessem a oportunidade de adquirir experiência na área em que desejavam atuar. O local escolhido foi Palo Alto que era na época uma fazenda, e por isto até hoje muitos se referem ao espaço como “The farm”. A fazenda, seria o local ideal para instruções relacionadas a agricultura. Além do mais, um dos diferenciais de Stanford era a igualdade dos sexos, já que poucas universidades naquela época ofereciam educação superior para mulheres.

IMG_0901

Stanford University

2. The vacuum tube

Esta foi uma das invenções mais significativas do século 20. Resumidamente, refe-se a criação de válvulas capazes de controlar correntes elétricas que são utilizadas para retificação, amplificação e mudança nos sinais elétricos. Os efeitos desta descoberta contribuíram para avançar a tecnologia eletrônica e o desenvolvimento e comercialização do rádio “broadcasting”, televisão, radar, gravação de som, reprodução, reforço e posteriormente da conexão de telefones, computadores digitais e controles de processos industriais. Muitos inventores famosos tentaram utilizar estas válvulas, entre eles: Thomas Edison, Eugen Goldstein e Nicola Tesla. A invenção ajudou nos avanços na telefonia e permitiu com que as linhas telefônicas funcionassem de costa a costa no país revolucionando a tecnologia utilizada na transmissão e receptores do rádio. Continuar lendo

Anúncios

Tudo começou em uma simples garagem

Quem é fã de tecnologia e já visitou ou tem o interesse em visitar algumas das gigantes do Vale do Silício, já deve ter ouvido falar que tudo começou em uma garagem. Elas ficaram tão populares no Vale que são consideradas por muitos um atrativo turístico. Todos querem entender como que estas empresas com presença mundial, que faturam bilhões surgiram de um simples espaço na casa de alguém e mudaram o mundo. A garagem tornou-se um símbolo de que tudo é possível.

A cultura da Garagens

As garagens mais famosas do Vale do Silício

HP

Screen Shot 2016-02-17 at 11.27.02 PM

No canto esquerdo a garagem da HP

É na 367 da Addison Avenue, em Palo Alto que em 1938 William Hewlett e David Packard se reuniam para fazer experiências com dispositivos eletrônicos. Ali nasceu a HP. Continuar lendo

Networking no Vale do Silício

Você já ouviu falar na Teoria dos seis graus de separação? Um estudo científico realizado nos Estados Unidos mostrou que são necessários no máximo seis laços de amizade para que duas pessoas quaisquer estejam conectadas. Imagine que você pode estar a apenas seis laços de amizade do Presidente Barak Obama ou do Mega Empreendedor e multi-milionário Richard Branson ou do Mark Zuckerberg.

Nunca desperdice uma oportunidade de fazer networking. Aquele laço que pode parecer fraco hoje é o que pode lembrar de você e recomendá-lo amanhã. Essa teoria torna ainda mais importante quando trata-se de conexões no Vale do Silício.

Networking no Vale do Silício 

A cultura do Vale do Silício é realmente impressionante. Não existe nenhum lugar no mundo tão receptivo quando trata-se de fazer conexões.

Fonte: Veterans Today Money

Fonte: Veterans Today Money

Apesar do Vale do Silício ser conhecido por ser o ecossistema da tecnologia, da inovação, das startups e do empreendedorismo, saiba que as melhores conexões são realizadas pessoalmente. Nada substitui o encontro pessoal. Um sábio disse: “Se você quer ir rápido, vá sozinho, se você quer ir longe, vá acompanhado”. Essa é a mais pura verdade! Cada pessoa que você conhece e se conecta é uma oportunidade de aprender, contribuir e se desenvolver.

Onde encontrar gente interessante no Vale do Silício?

O começo de uma boa conexão pessoal, pode ser através do meio digital. Existem diversas ferramentas disponíveis e gratuitas para ajudar você a encontrar pessoas para se conectar. Veja por exemplo estas ferramentas para encontrar eventos no Vale.

Eventos no Vale do Silício

Participar de eventos é algo que deve fazer parte da sua rotina no Vale do Silício. Aqui você vai encontrar diversos eventos sobre os mais variados temas, para todos os tipos de bolsos e até para os bolsos vazios 😀

Muitos eventos gratuitos no Vale são igualmente interessantes aos eventos pagos. Portanto, não subestime um evento sem nenhum custo. Veja essas duas ferramentas fundamentais para encontrar eventos do seu interesse no Vale:

  • Eventbrite é um site onde você vai encontrar muitos eventos que estão sendo realizados no Vale do Silício. Muitas empresas usam o Eventbrite para cadastrar os participantes, enviar lembretes e até para fazer a cobrança de eventos pagos.
  • Meetup é fantástico! Esse site cresceu tanto que mais parece uma rede social. No meetup.com você vai encontrar grupos de pessoas falando sobre temas específicos e, obviamente, muitos eventos interessantes para participar enquanto estiver no Vale.

Esses dois canais são uma excelente porta de entrada para você que quer se conectar com pessoas que estão vivendo o Vale. Difícil será encontrar agenda para participar de tantos eventos interessantes que acontecem na região. Organize seu calendário e aproveite a oportunidade para realizar importantes conexões.

Muita gente vem para o Vale querendo conhecer a sede do Facebook, Google, Apple, Twitter, LinkedIn etc. Saiba que muitos dos profissionais que trabalham nessas empresas participam de eventos. Inclusive algumas dessas empresas fazem eventos abertos ao público em suas sedes, uma oportunidade de juntar o útil ao agradável.

Lembre-se, você pode estar a apenas seis graus de separação de alguém que poderá ajuda-lo a fazer uma visita em uma dessas grandes.

Networking através das redes sociais

Como aproveitar o LinkedIn para fazer Networking?

LinkedIn é uma fonte inesgotável para fazer networking. Não estamos falando em apenas adicionar pessoas e aumentar o número das suas conexões, mas sim de encontrar gente interessante, que possa te ajudar e contribuir profissionalmente. O LinkedIn pode ser usado antes, durante e depois de um evento, por exemplo:

  • Antes do evento: procure pelo perfil das pessoas que estão organizando o evento no LinkedIn. Conheça as pessoas que irão participar do evento, procure saber um pouco mais sobre os participantes ou organizadores. Se você visitar ao menos o perfil de cinco pessoas envolvidas com o evento, conseguirá saber qual o perfil do público. Saber mais sobre elas te permitirá conhecer as pessoas mais relevantes para manter contato e até mesmo pode se preparar para abordar tal pessoa com um assunto de interesse dela. Provavelmente ela te dará abertura para um papo mais prolongado.
  • Durante o evento: ao conhecer uma pessoa que você queira manter contato, convide-a para se conectar via LinkedIn. Se ela te deu o cartão de visitas, não perca a oportunidade de se conectar no dia seguinte. Se não tem cartão, a desculpa é melhor ainda para adicioná-la na hora. A conexão no LinkedIn não se extravia e permite que você entre em contato no futuro. Não perca esta oportunidade!
  • Depois do evento: envie uma mensagem para as pessoas que você quer manter contato. Mande um e-mail agradecendo, perguntando sobre algo que conversaram, mencionando sobre algo em comum. Agregue valor! Diga o quão interessante foi saber sobre o Business dessa pessoa ou sobre a carreira dela. A partir de ser uma conexão que começou lá no evento, podem surgir negócios ou simplesmente alguém para ajudar com dicas valiosas para você. Enfim, quem não é visto, não é lembrado, portanto, mantenha contato. Não deixe para fazer isso apenas quando precisar um favor desta  conexão.

Utilizando o Facebook para Networking

O Facebook pode ser um bom começo para se aproximar de alguém que você deseja manter contato. Mas tenha cuidado, mantenha seu perfil e posts o menos informal possível. Os grupos do Facebook são super interessantes para encontrar outras pessoas que querem ajudar e precisam de ajuda. Veja abaixo a lista de alguns grupos que auxiliam de diversas formas os interessados no Vale:

  • Brasileiros no Vale do Silício possui mais de 2.000 membros e você poderá encontrar pessoas que estão compartilhando dicas de eventos sobre tecnologia, empreendedorismo, startups, empregos, artigos, informações sobre vistos, etc. O Acontece no Vale está sempre por lá 😀
  • Brasileiras do Vale um grupo exclusivamente para as mulheres. Homens não serão aceitos, afinal as mulheres querem a liberdade para falar de tudo um pouco, talvez até deles. Conta com aproximadamente 1.500 membros e as meninas trocam dicas para ajudar outras brasileiras que vivem no Vale. Escola, médico, culinária, evento, onde encontrar o que, como fazer, maneiras de se reinventar profissionalmente são alguns dos temas abordados no grupo.
  • Brasileiros em San Francisco um grupo mais informal que traz diversas dicas, desde onde se hospedar, onde comprar um carro, onde encontrar erva para o chimarrão, quais as baladas estão rolando na cidade, como renovar o passaporte, onde encontrar um advogado de emigração, enfim, seja qual for a pergunta, alguém terá a resposta.

Tem inclusive muitos grupos para quem quer se conectar com possíveis pessoas para dividir uma casa no Vale.

Há algumas semanas entrevistamos via Periscope a Júlia Figueiredo, brasileira que mora e trabalha no Vale do Silício. Dentre várias dicas, ela deixou bem claro que a mais importante delas é fazer Networking. Caso você tenha perdido a transmissão ao vivo, clique aqui e assista as dicas da Júlia.

Conecte-se e faça valer a pena cada conexão, pois o Vale do Silício está cheio de gente boa querendo colaborar. Todo mundo tem muito que aprender e um pouco para compartilhar 😉

Uma visita inesquecível no Vale: NASA!

Se você gosta de história e tem interesse em conhecer um pouco mais sobre o importante papel da Bay Area na aviação e defesa dos Estados Unidos, vá conhecer a NASA.

O que conhecer na NASA?

Ames Research Center

Localizado no portão principal da Nasa, está o Ames Research Center que funciona há mais de 75 anos realizando pesquisas de classe mundial para contribuir no desenvolvimento e domínio da aeronáutica e na exploração de novas tecnologias.

IMG_8931.JPG

Nasa’s Ames Research Center

Atualmente o espaço é aberto ao público, permitindo que os visitantes possam fazer um tour por conta própria e conheçam melhor algumas das missões e projetos realizados pela Nasa. Continuar lendo