42 é a nova universidade que promete formar engenheiros de software sem cobrar nenhum centavo dos alunos

42 é a nova “universidade” de programação que em breve vai abrir as portas no Vale do Silício. O projeto audacioso de Xavier Neil, um francês que tem uma fortuna estimada em 10 bilhões, promete educar 10 mil novos estudantes nos próximos 5 anos, sem cobrar nenhum centavo dos alunos.

42-US-Freemont-USA

Projeto 42 US. Foto:www.ar.fr

42 foi criada na França em 2013 e já ajudou mais 2500 estudantes. Agora Xavier vai investir 100 milhões de dólares para criar uma nova instituição nos Estados Unidos. A 42 ficará na cidade de Fremont, 40 minutos ao sul de San Francisco, contará com mais de 18 mil metros quadrados, milhares de Mac’s e ficará a disposição dos alunos 24 horas por dia inclusive nos fins de semana.

Diferentemente das escolas tradicionais, a 42 não vai exigir o SAT, que é o principal teste para entrar nas universidades americanas. Para participar da seleção os  participantes precisam ter entre 18 e 30 anos, preencher um formulário online e depois realizar um processo seletivo com desafios de lógica e programação que eles chamam de piscina e de uma forma figurativa é uma maneira de comprovar que você consegue realmente nadar.

Os alunos não são selecionados com base na capacidade financeira ou grau de instrução, mas baseado no talento e motivação.O processo de seleção dura 4 semanas e você pode programar de segunda à domingo. Depois deste intensivo, os melhores serão selecionados para estudar na 42 em um programa que dura de 3 a 5 anos e promete formar engenheiros de software. Não há taxas de inscrição ou matrícula.

O método de ensino da 42 é inovador em muitos aspectos. Representa um novo passo na implementação dos princípios da educação desenvolvido com sucesso há mais de 20 anos atrás por Nicolas Sadirac e sua equipe. Trata-se do sistema Peer 2 Peer. Um tipo de aprendizagem participativa que permite aos alunos libertar a criatividade através da aprendizagem baseada em projetos. Não tem professores e nem sala de aula. Segundo os fundadores, algumas universidades de prestígio já manifestaram interesse nesta abordagem e eles estão considerando sindicalizar a criação de escolas semelhantes em outros países.

A missão é treinar os melhores talentos no campo da ciência da computação e de fazer isto em grande escala. Um vídeo foi lançado onde os líderes de empresas como Snapchat, Facebook, Twitter, entre outras, dão sua opinião sobre o projeto. Todos claro, apoiando e elogiando a 42.

Se é bom pra eles, imagina pra você que pode utilizar todos estes recursos sem pagar nada por isso! A seleção já está aberta e as aulas vão iniciar em Novembro.

Já sabe nadar? Se inscreve lá!

 

Anúncios

Deixe aqui seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s