Tudo começou em uma simples garagem

Quem é fã de tecnologia e já visitou ou tem o interesse em visitar algumas das gigantes do Vale do Silício, já deve ter ouvido falar que tudo começou em uma garagem. Elas ficaram tão populares no Vale que são consideradas por muitos um atrativo turístico. Todos querem entender como que estas empresas com presença mundial, que faturam bilhões surgiram de um simples espaço na casa de alguém e mudaram o mundo. A garagem tornou-se um símbolo de que tudo é possível.

A cultura da Garagens

As garagens mais famosas do Vale do Silício

HP

Screen Shot 2016-02-17 at 11.27.02 PM

No canto esquerdo a garagem da HP

É na 367 da Addison Avenue, em Palo Alto que em 1938 William Hewlett e David Packard se reuniam para fazer experiências com dispositivos eletrônicos. Ali nasceu a HP.

Screen Shot 2016-02-17 at 11.31.26 PM.png

Placa em frente a garagem da HP – Birthplace of Silicon Valley

O local foi tão significativo que passou a ser conhecido como o berço do Vale do Silício.

Apple

IMG_8439.jpg

Eu e a maçã na garagem da Apple

Foi na 2066 da Crist Drive, em Los Altos, que Steve Jobs e Steve Wozniak construíram o primeiro computador que foi vendido ao público em 1976. O início da Apple.

Google

Screen Shot 2016-02-17 at 11.36.37 PM

Garagem da Google

Em Menlo Park, 232 na Santa Margarida Avenue que surgiu a Google, criada pelos jovens Larry Page e Sergei Brin.

Porque uma garagem?

Se dois milionários reservassem a suite presidencial do The Fairmont Hotel em San Francisco e saíssem de lá com uma invenção brilhante provavelmente as pessoas diriam: também com os recursos que eles têm, até eu! Mas ai, vem dois jovens que são pessoas comuns, trabalharam duro e utilizaram aquele espaço dentro da casa de um deles e constroem um império. Muda a perspectiva, certo? WOW, que gênios, se eles podem eu também posso. Este é o comentário das pessoas que se indentificam com a situação. É só continuar trabalhando que tudo dará certo! Este é o discurso que se ouve das tais garagens que transmitem valores admiráveis e passaram a ser um símbolo do empreendedorismo.

A liberdade de por em prática sua ideia, de poder ser seu próprio chefe, de construir uma empresa admirável independente dos recursos, isto sim é brilhante! Guy Kawasaki, autor do Best-Seller, The Art of the Start, mencionou em seu livro:

“‘Garage’ is a state of mind. It’s a rejection of the status quo. It’s ‘I don’t need dozens of engineers and marketers with MBAs to clean the competition’s clock.’” Kawasaki.

A garagem é um estado mental. É a rejeição do “status quo”. É afirmar que: Eu não preciso de dezenas de engenheiros e marketeiros com MBA para enfrentar a concorrência.

Heath Brothers,os irmãos conhecidos por seus livros sobre estratégias empresariais complementam que quando se ouve falar em garagem as pessoas já visualizam dois caras que criam algo sensacional e tem toda receptividade em qualquer parte do globo.

A garagem virou moda?

Dois professores da Hass School of Business da Universidade da Califórnia, fizeram um estudo chamado: A Garage and an Idea: What More Does an Entrepreneur need?, cujo tradução significa: Uma garagem e uma ideia: O que mais um empreendedor precisa? No material elaborado perceberam que cada vez mais empresas mencionam que foram criadas em locais como garagens, cozinhas, porões, enfim, iniciaram dentro de um espaço comum e geralmente dentro da residência de um dos envolvidos. No entanto, na realidade somente 48% das empresas são criadas desta maneira, o estudo conclui que os mitos do início das empresas surgirem das garagem na imprensa se multiplicaram 250% entre 1980 e 2000. E claro, hoje com o valor do aluguel na Bay Area não há dúvidas que o que não falta é empresa fazendo estilo dentro de uma garagem. É muito mais “style” que uma sala no Financial District. 😛

Interessante inclusive que a presença das garagens foi tão marcante que no geral, os americanos adoram transmitir esta imagem de um lugar improvisado para o desenvolvimento de ideias. O Embarcadero por exemplo que era utilizado como armazém do porto, realiza muitos eventos em seus piers e ninguém se importa de parecer um galpão velho, é até cool as paredes somente com concreto. Algumas empresas super modernas não fazem nenhuma questão de esconder o encanamento e toda fiação que fica mais que aparente no teto, e os comentários são: Adoro estes locais parecendo chão de fábrica!

E o que tem por trás destas garagens?

Simples. Gente bem conectada, com experiência para por ideias em prática e mais capacidade de se organizar que visão de fato. Ok, vamos concordar que muitas outras pessoas possuem estas características e a ideia permaneceu no papel enquanto alguns são vistos como visionários. Mas porque as garagens mais famosas do Vale são vistas por muitos estudiosos como um mito, voltando no exemplo das empresas acima:

HP

Hewlett e Packard, se conheceram estudando nada menos que Stanford. Packard trabalhou vários anos na General Electric, onde adquiriu experiência profissional para construir sua própria empresa. Além do mais, um de seus amigos, John Cague, foi  professor universitário e direcionou seus melhores alunos para fazer parte da empresa, o que foi super válido para que a HP se tornasse uma empresa de sucesso.

Apple

Em 1967, um menino de 12 anos telefonou para os escritórios da HP, era Steve Jobs e ele queria componentes para construir um contador de frequências. Hewlett ficou tão impressionado com o garoto que lhe ofereceu um emprego de verão. “O que aprendi ali foi a base do que seria Apple”, confessou Jobs em uma entrevista em 2003. Assim pôde recomendar seu sócio, Steve Wozniak, apresentado por um amigo comum, que entrou para a HP em 1973, enquanto ele continuava sua formação na Atari. Estes requisitos foram  fundamentais na época, quando a Apple foi fundada em 1976. Wozniak percebeu que o computador não seria interessante para à HP. Jobs trouxe  o terceiro fundador da Atari, Ronald Wayne para se juntar a sua equipe. Naquela altura, eles já não eram mais jovens imaturos.

Google

Dizem que a Google foi fundada dois anos antes da tal garagem existir. Quando ela surgiu, mais de um milhão de dólares já tinham sido investidos na empresa. Mas muitos acreditam que o Google começou quando Larry Page e Sergei Brin resolveram alugar uma garagem para explorar suas ideias.

A polêmica das garagens

Alguns profissionais são contra a ideia de incentivar que as empresas iniciem nas garagens, segundo eles a lenda do empresário que surge de uma simples garagem é enganosa e ensina lições erradas sobre o que é necessário para se tornar um empreendedor bem sucedido. Enquanto transmite-se a imagem de um indivíduo que conta principalmente com seus esforços para superar as dificuldades na criação de um novo negócio, a crença pode levar jovens mal informados a tomar decisões sem planejamento nenhum, incentivando os mesmos a alocar os recursos indevidamente, além de diminuir as ofertas de escolas de negócios e programas eficazes com suporte do governo.

Outras empresas que se gabam por terem iniciado em uma garagem

Disney

Screen Shot 2016-02-17 at 11.47.12 PM.png

Disney Garage. Fonte: mirror.co.uk

Walt Disney fundou sua empresa na garagem do seu tio Robert em 1923 e que mais tarde usou dois estacionamentos como estúdios de animação improvisados.

Mattel

Screen Shot 2016-02-17 at 11.49.09 PM

Mattel Garage. Fonte: oursouthbay.com

Harold Matson e Eliot Handler vendiam molduras de madeira para fotos em 1945, com o material que sobrava fabricavam brinquedos em sua garagem. Foi em 1959 que o sucesso começou com a produção de uma boneca que mais tarde deu origem à Barbie. Eles fundiram seus nomes e a Mattel tornou-se uma das maiores empresas na produção de brinquedos para crianças do mundo.

Dell

Michael Dell fundou a PCs Limited Company em sua garagem em 1984. Ele abandonou a faculdade para prosseguir a empresa que hoje leva seu sobrenome: Dell.

Amazon

Screen Shot 2016-02-17 at 11.54.08 PM.png

Amazon Garage. Fonte: f-webs.com

Jeff Bezos iniciou a Amazon em 1994. O empresário percebeu que não ter uma loja limitada a um espaço fisico seria uma vantagem imensa perante às livrarias normais. Um ano mais tarde, ele vendeu seu primeiro livro e em 1997 a empresa se tornou pública. Hoje, a Amazon é a maior varejista do mundo.

Harley-Davidson

Arthur Davidson e Williams S. Harley resolveram instalar um motor em uma bicicleta na garagem.  Depois de diversas tentativas e fracassos, criaram a primeira moto da Harley Davidson, a Silent Gray Fellow. William S. Harley se inscreveu na faculdade de Wisconsin para se capacitar. Foi em 1906, que ele criou 50 exemplares das oficinas Harley-Davidson, iniciando uma das mais conceituadas marca de motos.

E você, continua guardando o carro na garagem? Vai criar alguma coisa!

Anúncios

Um comentário sobre “Tudo começou em uma simples garagem

  1. Pingback: 7 razões fundamentais para a existência do Vale do Silício | Acontece no Vale

Deixe aqui seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s