Tudo que você precisa saber para uma viagem inesquecível pela Costa da Califórnia

California-Highway-1-sign-Photo-credit-Robert-Holmes-CalTour

Route 1

A famosa Pacific Coast Highway é considerada uma das 10 rotas mais cênicas de todo os Estados Unidos e com certeza é um assunto obrigatório quando se fala de turismo pela Califórnia.

Embora diversas revistas, guias e blogs já tenham abordado as principais cidades, pontos turísticos, meios de hospedagem, restaurantes e detalhes sobre a Route 1, resolvi fazer um resumão baseado na minha experiência, mencionando alguns blogs que foram fundamentais para elaborar meu roteiro.

Roteiro da Costa da Califórnia – San Francisco á San Diego

Se você tiver fazendo a viagem com calma, inclua Santa Cruz no seu roteiro, a cidade é muito charmosa e conhecida quando o tema é surf e skate. Endereço: 701 W Cliff Dr, Santa Cruz. Você vai precisar pelo menos de um meio-dia para conhecê-la. (A cidade é tão linda que terá um post só para ela). Caso não tenha tempo, vá direto para Monterey.

Monterey

O Monterey Bay Aquarium é incrível e é bem importante chegar cedo para curtir o local, principalmente nos fins de semana.

Aquário de Monterey

Aquário de Monterey

No post O Fantástico Aquário de Monterey do blog Ideias na mala, você pode ter uma ideia da beleza que irá encontrar por lá. O áquario funciona das 10 ás 18 horas, custa $39,95 o ingresso por pessoa e a visita leva aproximadamente umas 3 – 4 horas.

Depois da conhecê-lo, aproveite para almoçar no Bubba Gump, o famoso restaurante de frutos do mar da história do filme maravilhoso: Forrest Gump. Bubba Gump hoje é uma rede de restaurantes, são 32 ao todo, sendo que em Monterey foi inaugurado o primeiro deles em 1996. Endereço: 886 Cannery Row, Monterey.

IMG_8609

Bubba Gump Monterey.

17 Miles Drive

Seguindo, a próxima parada obrigatória é a 17 Miles Drive. Endereço: 17 Miles Drive, Pacific Grove, CA. O GPS diz que você chegou ao destino e nada? Não se preocupe, siga naquela rua que em breve você vai verificar o guichê para fazer o pagamento de $10 para visitar as 17 milhas de tirar o fôlego. Este trecho é pago pois ele pertence ao condomínio fechado de Pebble Beach. São 21 pontos de parada, portanto 10 minutos em cada local, serão praticamente 4 horas para percorrer este trajeto. No Hotel Califórnia Blog, têm diversos posts com todas as explicações detalhadas sobre este percurso, mas os essenciais são: 17 Miles Drive em Carmel – Modo de usar 1 e 17 Miles Drive em Carmel – Modo de usar 2.

IMG_7595

17 Miles Drive

Ao final da 17 Miles Drive está a Pebble Beach, praia lindíssima com um hotel bacanérrimo que tem uma super vista panorâmica do campo de golfe e do mar. Ali é a principal parada para banheiros e têm diversas lojinhas. Vale a pena visitar.

IMG_8671

Pebble Beach

Carmel

Continuando, basta virar à esquerda para chegar em uma das cidades mais elegantes da Califórnia: Carmel. Estacione no centro da cidade e explore tudo a pé. A região mais visitada abranje 6 quarteirões no máximo, a rua principal: a Ocean Avenue. Há diversos restaurantes de bom gosto em Carmel, quase todos pequenos e caros. Se você estiver com fome e não quiser gastar muito, vá no Bruno’s Market, eles tem uns sandubas grandes e deliciosos por menos de $10. Tudo é lindo lá, até a comida!

IMG_8685

Delícias de Carmel

Pois bem, se você seguiu os passos acima, deve estar exausto, saiba que retornando de Carmel a Monterey, sem pegar a costa, o trecho mais rápido leva em média 15 minutinhos e os hotéis lá são bem mais econômicos. Agora, se você pulou o aquário, estará bem adiantado e o ideal é se hospedar em Big Sur ou San Simeon, para agilizar sua viagem.

O próximo ponto é o Point Lobos State Natural Reserve, que fica 15 minutos do centro de Carmel. Endereço: 62 California 1, Carmel, CA 93923. Infelizmente eu passei batido por este parque todas as vezes que fiz a costa, não porque acho que não vale a pena, muito pelo contrário, sei que ali tem vistas deslumbrantes, que é possível mergulhar, andar de caiaque e stand-up, então precisarei de mais tempo para explorar o parque. Se você tiver tempo, confere as dicas do blog Uma Malla pelo Mundo sobre os Parques estaduais americanos: Point Lobos, que com certeza vale a pena conhecer. A entrada é $10 por carro e saiba que alguma atividades exigem reserva antecipada, portanto se tiver interesse em visitá-lo, dá uma lida no site com carinho antes de ir.

O trajeto continua percorrendo as duas pontes que são um dos principais postais da Route 1, não deixe de parar para contemplar a vista e fotografar. Endereço: California 1. Monterey, CA.

IMG_7629

As pontes mais famosas da Califa

Big Sur

O próximo destino é o Julia Pfeiffer Burns State Park. Endereço. Hwy 1, Big Sur, CA. Este é lugar preferido de grande parte das pessoas que visita a costa da Califórnia, porque o visual é incrível.

IMG_8818

McWay Fall

Mas preste atenção, como o nome é parecido, muita gente confunde com o Pfeiffer Big Sur State, mas este parque é bem simples (tem trilhas e uma pequena cachoeira) – eu por exemplo, cheguei lá feliz da vida, aí fiz uma trilha de quase uma hora sonhando com a tal McWay Fall e me decepcionei completamente ao chegar em uma cachoeira minúscula. Portanto, fica a dica: o parque para parar é o Julia Pfeiffer Burns State Park,  o segundo parque a esquerda depois da ponte, para ser mais precisa, fica a 10 milhas do Pfeiffer Big Sur State. Fique atento para não confundir. A entrada do parque é $10 por carro. O pagamento do parque é self registration. Funciona assim: Não existe nenhuma fiscalização, você põe o dinheiro no envelope e coloca o envelope na caixa conforme indicado, e preenche um formulário simples para colocar no vidro do carro. Saindo do estacionamento é só seguir as placas em direção ao mirante da praia. É uma trilha bem tranquila de uns 5 minutos que leva até a McWay Fall, a cachoeira que impressiona com o seu encontro com o mar em um cenário paradisíaco. O parque fecha meia hora após o por do sol.

Continuando a costa é lindíssima e com certeza você vai parar em alguns pontos para as fotos.Não dá para resistir a um banco destes, com uma vista destas, heim?!

IMG_8850

Pacific Coast Highway

San Simeon

Mas a próxima visita essencial é San Simeon. O principal lugar para visitar lá é o Hearst Castle construído nos anos 20 e doado pela corporação Hearst para o Estado da Califórnia em 1957 depois da morte de seu proprietário. É um grandioso castelo que hoje funciona como parque estadual.

IMG_8934

Hearst Castle

Conta com 56 quartos, 61 banheiros, 19 salas de estar e um jardim com quadras de tênis e piscina que são famosas mundo afora. O Hearst Castle fica aberto das 8 ás 19 horas. Lá é possível fazer diferentes tours (um para conhecer os quartos, outro as salas e por aí vai. Já ouvi diferentes versões so castelo, tem gente que ama e tem pessoas que detestam. Então, depois de conhecer as duas versões eu resolvi tirar minha própria conclusão  e achei tudo incrível, eu recomendo a visita de olhos fechados. Resumindo a história: trata-se de um menino rico que teve a oportunidade de conhecer o mundo e decidiu construir o castelo para trazer de certa forma tudo de melhor que ele viu, para que outras pessoas pudessem compartilhar o sonho dele. Claro, que ele nasceu em berço de ouro e tal, mas a riqueza da história, os detalhes na arquitetura, a grandiosidade de tudo aquilo ali, é deslumbrante. Você poderá passar o dia todo visitando o local se quiser, mas o tempo mínimo para a visita é 3 horas, e custa $25 um tour, sendo que é possível fazer diversos tours para conhecer a casa toda. Eles passam um filme com a história do Sr. Hearst que pode ser visto antes ou depois da visita, mas eu acredito que ver o filme antes do tour, torna ele bem mais especial. Fica a dica!

Morro Bay

Há 40 minutos de San Simeon, você verá de longe o Morro Rock, que parece estar dentro do mar. A pedra é a última de uma linha de nove vulcões extintos a mais de 20 milhões de anos que vem desde San Luis Obispo até a cidade de Morro Bay.

Morro_Rock_R1

Morro Rock em Morro Bay

San Luiz Obispo County

Continuando está San Luiz Obispo, uma cidade pequena, universitária (onde está a California Polythechnic State University). San Luis Obispo tem cerca de 90 vinícolas, no entanto, do ponto de vista da vinicultura, Paso Robles é a cidade mais importante entre os 15 municípios de San Luis Obispo County. Como a região é quente durante o dia e fria à noite favorece o crescimento de uvas como cabernet sauvignon, zinfandel, syrah, grenache e viognier. O ponto de visitação em San Luiz Obispo é uma das missões espanholas que estão espalhadas pela Califórnia, onde está o monastério construído pelos espanhóis em 1772, e qual deu origem ao nome da cidade, ao todo são 21 missões espalhadas pelo estado. Em Pismo Beach visite o Margo Dodd Park, um pequeno parque com um lindo Gazebo, localizado em um bairro residencial muito charmoso. Ali pertinho e bem turístico está o pier de Pismo Beach que foi construído com pontos em forma de losango é o principal ponto turístico da cidade. Endereço: Ocean Blvd, Pismo Beach.

pismo-beach-pier

Pier Pismo Beach

Solvang

Para mudar totalmente de cenário siga para Solvang, uma cidade de colonização dinamarquesa que é maravilhosa e vale muito a pena visitar. É um cenário totalmente diferente de tudo que você já viu na Califórnia. Endereço: Mission Dr, Solvang. 

IMG_7679

Centro de Solvang

Los Olivos e Buellton são cidades bem pequenas que ficam há 10 minutos de Solvang. Elas fizeram parte do filme Sideways. Aproveite para jantar por ali, a comida é incrível e tem muitas opções de vinhos bons. Os restaurantes mais famosos são: Los Olivos Wine Merchant e Café. Endereço: 879 Grand Avenue, Los Olivos e The Buellton Hitching Post II. Endereço: 406 E Hwy 246, Buellton, CA 93427. Para ajudar na decisão leia os posts do Cafe Viagem e do Falando de Viagem que contam em detalhes sobre os locais. Mas saiba que os restaurantes abrem e fecham cedo, (17-21h).

Santa Barbara

Santa Barbara é um balneário muito lindo, muitos artistas escolheram esta cidade para viver ou passar fim de semana. Também é uma cidade universitária contanto com um dos campus da prestigiada Universidade da Califórnia, conhecido por seus cursos realacionados a arte e cinema, ali esteve o maior estúdio do cinema mudo, inclusive Charles Chaplin construiu um hotel, o Montecito Inn que ainda funciona na região. Pelo menos meio dia é essencial para conhecer este cantinho que também é um dos favoritos pela maioria dos visitantes. Caminhe pela State Street que tem muitas lojinhas, galerias e restaurantes. Passe pelo centrinho antigo – El Paseo, que é muito legal, cheio de plantas e chafarizes e siga até o o El presidio State Historic Park, fundado em 1782 o lugar servia de base militar para os Espanhóis na costa da Califórnia. Para quem gosta de história é muito interessante. Um dos prédios dessa base militar é o mais antigo da cidade e o segundo mais antigo de toda a Califórnia.  Um pouquinho mais a frente está a Courthouse tem um jardim lindo bonito. é possível subir na torre, a vista para a cidade é maravilhosa, mas prepare-se para encarrar as escadas. Retorne pelo outro lado da State Street e entre no Paseo Nuevo, outro lugar super arrumadinho, cheio de flores, jardins e mais lojas bacanas. Visite também o Stearns Wharf, o pier que sempre está cheio de carros de luxuosos.

IMG_7315

Santa Bárbara

Ali pertinho está a cidade de Montecito, onde tem as colinas habitadas pelos ricos e mansões com vista para o Pacífico.

Partindo, o próximo destino é Malibu. Malibu, apesar de famosa e comentada, não é muito acessível. Por ser a praia dos artistas, está cercada de portões, muros altos ou condomínios fechados que atrapalham as tentativa e de chegar perto das “estrelas de hollywood“. A Cross Creek Rd é  o centrinho da cidade. Um endereço para colocar no GPS é: 3939 Cross Creek Road, Malibu. No site do Airbnb tem umas dicas bem legais se tiver interesse em explorar melhor esta cidade.

Santa Mônica

O pier em Santa Mônica é próximo destino obrigatório. Parque de diversões, música ao vivo, a plaquinha marcando o fim da rota 66, vários motivos para fotografar e se divertir. Ali pertinho, visite também a Third Street Promenade que é a rua mais famosa da cidade. Para aproveitar o passeio, alugue uma bike para ir até a Venice Beach, é uns 15 minutinhos de pedalada, numa calçada plana. Super gostoso. Se tiver com o namorado ou marido, aluga uma bike de dois lugares, aí enquanto ele pedala, você fotografa 🙂

IMG_9045

Pier de Santa Mônica

Venice Beach

Venice tem as pessoas mais malucas da Califórnia (sim, nem todos estão em San Francisco). Ali tem diversas lojas, pista de skate, cartomantes, músicos, estúdios de tatuagens, e outras cositas más, tudo junto e misturado. Os doutores ali tem o remédio para tratar o estresse de qualquer um, ou qualquer outra doença que você tenha, se é que você me entende! No local tem também uma Muscle Beach Gym, uma academia a céu aberto bem popular, com atletas que te farão suspirar. É muito descontraído e vale muito a pena conhecer. Lembre-se de pegar um cadeado para a bicicleta para preendê-la e andar a pé ao redor de Venice, se optar por ir até Venice pedalando.

IMG_7574

Crazy Venice Beach

Los Angeles

Se você gosta de do clima Hollywoodiano, artistas e glamour, pode ser que este seja seu destino preferido, mas se você não curte e vai com muita expectativa, poderá se decepcionar com a cidade. Veja os principais locais para conhecer por lá:

Rodeo Dr – caminhe pelas lojas mais elegantes da cidade. O estacionamento é bem concorrido na rua com os parquimetros (leve moedas de 0,25), e os privados são bem caros. (Em média $2 cada 15 minutos). Endereço: Rodeo Dr, Beverly Hills, CA. Se você seguir na Rodeo Dr vai encontrar a famosa placa de Beverly Hills. Dá par air a pé.

IMG_7464

Calçada da Fama

Hollywood Boulevard – Endereço: 6925 Holywood Blvd, Hollywood. Neste local tem diversas opções de estacionamento, os públicos custam em média $2 a hora ou 6 a diária, os pega trouxas $25! É a região mais badalada da cidade e está sempre lotado de turistas. É legal de visitar a noite porque a rua fica toda iluminada. O Chinese Theater é visitado devido a impressionante coleção de marcas de mãos e pés de algumas das estrelas mais conhecidas de Hollywood, desde 1927 até o presente. Ao lado do teatro estão os principais pontos turísticos de Los Angeles: o Dolby Theatre – antigo Kodak Theather, onde é realizado o Oscar e Circle Du Soleil, Hard Rock, Calçada da fama, Museu de cera Madame Tusseau, entre outras atrações super populares.

Getty Villa. Endereço: 1200 Getty Center Dr, Los Angeles, CA 90049. Focado em obras gregas e romanas, o museu é lindíssimo. A entrada é gratuita, e você só pagará pelo estacionamento – $15. Porém, note que é necessário fazer reserva para antecipada para realizar a visita.

O Farmers Market de LA,  é uma das atrações turísticas, pois aqui os produtos típicos se encontram com lojas tipo Zara. Endereço: 6333 W 3rd St, Los Angeles, CA 90036.

O passeio obrigatório para o fim de tarde é Griffith Observatory. Endereço: 2800 East Observatory Road Los Angeles. A entrada é free e o estacionamento também, embora seja limitado. O museu fica aberto do meio dia ás 10 da noite e fecha somente nas segundas. A vista é muito bacana e dá vontade de passar boas horas por lá . A primeira parte para se visitar é o letreiro de Hollywood, o grande motivo pelo qual maioria dos visitantes sobem até lá.  Agora o foco principal do local é poder utilizar os telescópios. Este é um dos principais observatórios públicos do mundo e em noites de céu aberto ele chega a atender mais de 600 visitantes que tem oportunidade de observar um pouquinho do universo.

Quem puder estender a estada em LA, aproveite para visitar a Disney e a Universal Studios. Reserve um dia inteiro e pelo menos $120 para cada um destes passeios.

San Diego

Estendendo mais duas horinhas até o fim da costa, você chegará em San Diego. Se vale a pena esticar até lá: com certeza. A cidade é lindíssima, mas um dia é quase pouco para ver tudo por lá, ainda mais se você tiver a intenção de passar pelas praias. O que conhecer em San Diego:

Old Town, um pequeno bairro super típico da cidade, cheio de restaurantes e lojas de souvenirs que remete ao velho oeste, onde os mexicanos predominam. Endereço: 4105 Taylor Street, San Diego.

Gaslamp Quarter, a  parte mais central de San Diego, cheio de bares, pubs, e lojas. Neste local, você poderá ver a marina, que é muito linda e passar pelo USS Midway Museum, o maior porta-avião-museu do mundo. Endereço: 643, 5th Avenue, San Diego, CA. O museu é maravilhoso, no entanto, é preciso pelo menos umas 2 ou 3 horas para visitá-lo. No blog do Mau Oscar, o post O maior porta aviões do mundo conta em detalhes sobre este museu. Custa $20 por pessoa e está aberto das 10 ás 5

Outra atração imperdível em San Diego é o Balboa Park. Endereço: 1549, El Prado, San Diego. É preciso de vários dias para explorar completamente este local, além de ser lindo conta com diversas atrações, como uma vila espanhola, jardins enormes, espaços para prática de esportes ao ar livre, teatros, galerias de arte, um zoológico, e 15 museus. O destaque deles é o San Diego Air & Space Museum, o qual é dedicado à história da aviação americana com vários exemplares de aviões, balões de ar quente e até naves espaciais onde se pode interagir de várias formas. Reserve mais umas 3 horas para visitar este museu. Custa $18 por pessoa e é aberto ao público das 10 ás 4:30.

balboa_park_san_diego_by_almostagiant-d4wn8lo

Balboa Park

Para quem tiver tempo de sobra em San Diego, aproveite para conhecer o zoológico e o SeaWorld.

Se tiverem tempo de visitar uma das praias, a principal delas é La Jolla composta por falésias, rochedos e praias lindíssimas com fauna bastante abundante. A rua principal é a Prospect Street é bem arborizada com palmeiras estilo Beverly Hills e um comércio bastante variado e interessante, cheio de lojas de grife e galerias de arte. Na orla da praia está a La Jolla Cove onde os leões marinhos, se aglomeram fazendo pose para as fotos. Neste local tem um dos mais famosos por do sol da região, com tons de rosa, laranja azul, roxo e lilás, entre os rochedos e o Pacífico, lindo!

Finalizando o roteiro, é hora de pegar a estrada de volta. Se prepare, porque o trajeto dá um sono danado! Até o GPS dorme. Aconselho a revezar o volante, ouvir uma música animada e tomar muito café.

Quanto tempo leva para fazer este roteiro?

Se você está curioso para saber sobre quanto tempo leva para fazer este roteiro, saiba que a resposta é meio óbvia: DEPENDE, depende de quanto tempo você tem disponível, de quais os locais gostaria de conhecer durante sua viagem. É possível fazer a costa em um final de semana ou em 15 dias, mas eu diria que se você quer ver um pouquinho de tudo, o ideal é entre 5 e 7 dias, lembrando que se você vai retornar de carro ao ponto inicial da viagem, é praticamente um dia inteiro de estrada, sem brincadeira. Para completar o trecho de Los Angeles a San Francisco leva aproximadamente 6 horas, contando uma horinha para o almoço e outra para o café, lá se vão 8 horinhas fácil, se você esticar a San Diego, some mais 2 horas. Para fazer o roteiro completo San Francisco a San Diego são aproximadamente 560 milhas, quase 900 km.

Quanto custa esta viagem?

Quanto ao gasto com a viagem, também é muito relativo, pois uma refeição em bom restaurante pode custar em média $40 com gorjetas, já um lanche $8. Um hotel em Carmel $200, em Monterey que é ao lado, $80, varia muito, ainda mais se acrescentar um bom vinho. Portanto, uma viagem com amigos terá um valor totalmente diferente de uma honeymoon. Mas se você quer fazer uma viagem confortável e economizando, considere uma média de $100 com hospedagem/ $30 com gasolina/ $20 para a entrada em parques e estacionamento/ $30 com refeições. (Claro que hotel, gasolina, entradas poderão ser rateado com as demais pessoas que estiverem viajando). Lembre-se que aqui é comum ficar até 4 pessoas em um quarto (em duas camas queen), a diferença de um quarto de 2 para 4 pessoas é mínima (menos de $10 ás vezes). Portanto se você não tiver viajando com amigos ursos, compartilhar o quarto é uma excelente alternativa para economizar.

Dica:

A dica é: tenha um GPS, você vai precisar dele, e cuide com a rota mais rápida, afinal o objetivo é ir pela Costa, certo? Não deixe ele te ludibriar! E lembre-se de anotar os endereços dos locais, isto vai poupar seu tempo e facilitar a sua vida.

Já fez a Costa? Qual é o lugar da que você mais gostou? Compartilhe suas dicas!

Anúncios

4 comentários sobre “Tudo que você precisa saber para uma viagem inesquecível pela Costa da Califórnia

  1. Pingback: Uma trip irada de carro pela Costa da Califórnia. |

  2. Pingback: Mendocino, um destino super romântico para o seu Valentine’s Day | Acontece no Vale

  3. Pingback: Eu deixei “um pedação” do meu coração em San Francisco! Confira o depoimento da Julianne Lee | Acontece no Vale

Deixe aqui seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s